cronica da doidice anunciada

Junho 5, 2009

Nunca aconteceu um dia acordares e quereres deitar tudo fora?  Os teus livros , a tua boa educação, as aulas de catequese, a reputação , as roupas que combinam, os discos dos beatles, as medalhas de merito, os certificados de habilitação, as hora de trabalho, as cartas e os bilhetes de amor, a tua decência, teu zelo pelos vizinhos, os cumprimentos do elevador, a vida social, o amor pelo próximo, os brincos de pérola, as roupas modernas, o ouro de família, a confiança no mundo, a crença na boa intenção, os amigos, a tua moral, as mensagens, o telemovel, todos os diários, toda a tua consideração pelos seres humanos…?

3 Respostas para “cronica da doidice anunciada”

  1. Que parvoice, e o que é que faria-mos nós sem os certificados de habilitações?… o bilhete de identidade, a maquina de barbear, ou a chiclete? Deixa-te de doidices e toca mas é a trabalhar. MANDRIÃO.

  2. Nuno Maia said

    e o meu pensamento todo os santos dias…..

  3. sussus said

    sim claro!e para além de todo o manacial que referes, às vz até pessoas apetecia “deitar” fora ou enrolar o que representam como um papel e jogar fora…pode acontecer!

    há dias assim..

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: